Quaresma-Páscoa: Mensagem de D. José Cordeiro | Diocese Bragança-Miranda

Quaresma-Páscoa no Ano da Igreja Una e Santa

Caros irmãos e irmãs

Pax!

 

1. Firme na Fé

Repartir de Jesus Cristo nos caminhos da Missão neste tempo duro da pandemia e sermos firmes na fé, alegres na esperança e generosos na caridade é o desafio de hoje e de sempre. Por isso, «damos continuamente graças a Deus por todos vós, ao fazermos menção de vós em nossas orações. Recordamos a atividade da vossa fé, o esforço da vossa caridade e a firmeza da vossa esperança em Nosso Senhor Jesus Cristo, na presença de Deus nosso Pai» (1Tes 1, 2).

Juntos, acreditamos e somos a Igreja una e santa. A Igreja é uma realidade dinâmica. Eu pertenço à fé da Igreja. A fé da Igreja está primeiro, ou seja, o corpo está primeiro, existe antes de mim, não o crio eu. A convicção pessoal ou uma particular disciplina de vida não bastam para fazer de uma pessoa cristã. Uma existência cristã pressupõe o sentido de pertença e a participação na comunidade.

Deus já “entrou” em nós pelo Batismo. Já lhe dissemos «entre quem é». A grande alegria e motivo da maior felicidade é viver, porque «Deus é, isso basta» (E. Leclerc). Por isso, faz Missão! Sê Missão!

 

2. Alegres na Esperança

Estamos todos interligados no horizonte da fraternidade universal e da amizade social, que o tempo de pandemia covid-19 ainda mais nos demanda nos processos da conversão e da missão. Sejamos construtores de uma pandemia de Esperança! Estaremos dispostos a mudar os estilos de vida pessoal e da pastoral eclesial?

Na consolidação dos processos com os adolescentes e os jovens, continuamos a peregrinação fecunda da busca de Deus na Lectio Divina e adoração eucarística. Assim, em cada sexta-feira da Quaresma, sob a coordenação do Secretariado Diocesano da Pastoral Juvenil Vocacional: 19 de fevereiro  (Catedral) – «Jovem, Eu te digo, levanta-te»  (cf. Lc 7, 11-17), Buscar com Jesus Cristo em tempo de pandemia; 26 de fevereiro (UP Senhora do Amparo) - «um só Senhor, uma só fé, um só Batismo; um só Deus e Pai de todos» (Ef 4, 1-6), Unidade na diversidade; 5 de março (Concatedral) – «Como Cristo amou a Igreja e se entregou por ela» (Ef 5, 25-33), É grande este mistério!; 12 de março (UP Senhora da Assunção) - «fiéis à doutrina dos Apóstolos, à participação na fração do pão e nas orações... louvando a Deus e sendo bem vistos pelo povo» (At 2, 41-47), a comunidade cristã; 19 de março (UP São José) - «ide, pois, ensinai todas as gentes» (Mt 28, 16-20), Igreja é missão; 26 de março (UP Senhora da Visitação) - «Pedi ao Senhor da messe, que mande operários para a sua messe» (Mt 9, 35-38), Missão é in-vocação.

 

3. Generosos na Caridade

A Quaresma-Páscoa é o tempo favorável que nos sugere algum treinamento pessoal e em família de maturação e consciencialização renovar a fé, a esperança e a caridade: a esmola; o jejum; o silêncio; a oração; a penitência; a renúncia quaresmal; a lectio divina; a adoração eucarística; o rosário; a via-sacra...

A graça do Ano de São José conta com um momento deveras significativo durante a Quaresma, o dia 19 de março. Neste dia do pai e dos nossos seminários seja um especial reconhecimento e gratidão às pessoas comuns, que, como São José e tantos homens e mulheres neste tempo da pandemia, aparentemente escondidos ou em segundo plano, mas que têm um protagonismo sem paralelo na história da humanidade e fazem com que a vida aconteça em cada dia nos muitos serviços e bens essenciais. São José é nosso protetor e, ao mesmo tempo, modelo operativo. Como São José somos chamados a ser artesãos de Fé, de Esperança e de Caridade para continuar a enfrentar e a vencer as crises, com coragem criativa e confiança crente.

Que a Quaresma seja «um percurso de conversão, oração e partilha dos nossos bens, nos ajude a repassar, na nossa memória comunitária e pessoal, a fé que vem de Cristo vivo, a esperança animada pelo sopro do Espírito e o amor cuja fonte inexaurível é o coração misericordioso do Pai» (Papa Francisco).

Santa Maria, Mãe da Igreja e São José, intercedei por nós.

 

Catedral, 14 de fevereiro de 2021

+ José, Bispo de Bragança-Miranda