União das IPSS’s do distrito de Bragança completa 20 anos de vida | Diocese Bragança-Miranda

A 20 de abril de 2002 foi oficialmente constituída a União das Instituições Particulares de Solidariedade do Distrito de Bragança (UIPSSDB), com o intuito de lutar em prol do bem comum, com o desígnio coletivo de melhoria e qualificação das IPSS’s do distrito. A celebração do aniversário (programa em anexo) vai acontecer a 11 de maio, no Auditório do NERBA, em Bragança.

Servir e cuidar os públicos mais vulneráveis, assistir às famílias nas suas dificuldades de atender os seus entes mais queridos, sobretudo na infância e na terceira idade, são estes os principais desígnios das Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS).

A 20 de abril de 2002, nascia a União das IPSS do Distrito de Bragança (UIPSSDB), uma entidade que nasceu para “cuidar” dos cuidadores, para apoiar as IPSS’s nos seus prementes desafios e necessidades, uma entidade que funciona como “um porto de abrigo”, para desvanecer as dúvidas, apaziguar os medos, orientar e apoiar quando os desafios parecem maiores do que as possibilidades.

As oportunidades constantes de qualificação, o trabalho na informação das associadas, o apoio logístico e até material, através da partilha de recursos, estas têm sido as principais funções da UIPSSDB.

20 Anos de vida e resistência a tantas oscilações sociais é um marco que a Direção da UIPSSDB quer assinalar em festa.

Por essa razão agendou, para o dia 11 de maio, um encontro distrital, presencial, preparando um dia repleto de partilhas de informações, conhecimentos, experiências, para que os laços entre as IPSS se possam estreitar ainda mais.

“Um dia que preparamos com todo o cuidado, antes de mais para nos revermos presencialmente, para podermos voltar a sentir os olhares, os sorrisos, os abraços uns dos outros, mas também para refletir e aprender em conjunto, sempre com o objetivo de crescermos juntas, de garantirmos uma contínua e permanente melhoria na qualidade dos serviços e cuidados que prestamos”, adianta a presidente da UIPSSDB, Paula Pimentel.

“Os dois últimos anos têm sido desafiadores, há muito que mantemos um distanciamento físico, nesta altura, em que o contexto nos oferece algum alívio, consideramos que é tempo de nos reencontrarmos”, acrescenta.

O encontro, que vai acontecer em Bragança, conta com a participação de alguns oradores de grande importância no sector social, nomeadamente o Presidente da CNIS, Pe. Lino Maia, mas prevê também um momento em que as associadas são desafiadas a trazer uma Boa Prática (para diferentes respostas), que possa ser partilhada como exemplo e até replicada pelas restantes IPSS’s.

Ficheiros: 
AnexoTamanho
PDF icon Programa382.86 KB