SDPF celebrou Dia Diocesano da Família | Diocese Bragança-Miranda

Promovido pelo Secretariado Diocesano da Pastoral Familiar, 55 pessoas, de Bragança, Mirandela, Vila Flor e Vinhais, acompanhadas pelos assistentes espirituais do Secretariado, Pe. Sobrinho Alves, Pe. Belmiro Rodrigues e Pe. Tiago Alves, participaram, no pretérito dia 01 de maio de 2018, em Zamora – Espanha, nas iniciativas tendentes a assinalar o Dia da Família na Diocese de Bragança-Miranda.

De modo original e diferente, procurou-se ir ao encontro, antes de tudo, da necessidade de proximidade e amizade entre pessoas e entre famílias, através do diálogo e do convívio, da partilha da refeição, da oração em comum e da descoberta da relação entre a arte e a espiritualidade, não só como expressão do mistério e do simbolismo religioso que ousa dizer o inefável de Deus, mas também como instrumento de evangelização e de diálogo da Igreja com o mundo.

Assim, o dia começou com um momento de interação com a Delegação para a Família e Defesa da Vida de Zamora, nas pessoas de José Carlos Gago e Marta Pérez, que entre outras ideias do que vão fazendo atualmente, nos deixaram a pertinência da atenção às famílias, casais, filhos e pessoas individuais com dificuldades que originam problemáticas na relação e na vida diária e a necessidade de atender a pessoas que não superam a morte de um seu ente querido. Como desideratos para futuro, curiosamente muito similar ao pensamento do SDPF, apresentaram-nos a realização de cursos (Alpha, etc), encontros lúdicos (pais-filhos, pais-pais, filhos-filhos), encontros de aprofundamento da Fé (orações, retiros), preparação para o Matrimónio (semanal, fim de semana, num espaço de tempo de 6 meses...), preparação remota com jovens, Escola de Pais e Celebrações (Jornada pela Vida na Festa da Encarnação, Sagrada Família, Apresentação do Senhor). Na base de tudo referem, com muita pertinência, deve estar a potenciação da vida de Família no contexto das paróquias (isso mesmo!), oferecendo modelos e atividades possíveis: visitas aos arciprestados, atividades e programas que velem pela vida, plano de trabalho-curso para pais de batizados e acompanhamento de voluntários, etc.

Seguiu-se uma visita à belíssima Catedral de Zamora, do denominado românico do Douro com raízes no séc. XII e, logo após, um almoço na Casa de Retiros Santa Maria dos Apóstolos. A tarde continuou com excelentes visitas guiadas proporcionadas pelo Sr. Pe. Héctor Galán Calvo, pároco de Alcanices e Nuez e arcipreste de Aliste-Alba, à Plaza de Viriato, Plaza Mayor, Igreja de Santa Maria Madalena, Igreja de S. Pedro e Santo Ildefonso terminando com visitaa à antiga Igreja Templária de N.ª Sra. da Assunção e Igreja paroquial de Alcanices.

No término do dia, ficou o desafio de renovar e reforçar a nossa comum pertença e participação nas atividades, quer da nossa paróquia quer da nossa Diocese, e responsabilizando-nos também por desenvolver o seu ser e missão, sentindo-nos pertença desta grande e universal família de Filhos de Deus, já que recebemos de Deus Pai, pelo Batismo, a nova vida de cristãos.

Jorge Novo