Jornada mundial de oração e jejum pela paz - 23 de fevereiro | Diocese Bragança-Miranda

A pedido do Papa Francisco assinala-se na próxima sexta-feira, em todo o mundo, um dia particular de atenção e de reflexão sobre a realidade dos países que vivem em guerra, em particular, as vítimas dos países do Sudão do Sul e da República Democrática do Congo.

“Perante o trágico arrastamento de situações de conflito em diversas partes do mundo, convido todos os fiéis para uma jornada especial de oração e jejum pela paz, a 23 de fevereiro, sexta-feira da primeira semana da Quaresma”, anunciou Francisco. “Como noutras ocasiões similares, convido os irmãos e irmãs não-católicos e não-cristãos a associarem-se a esta iniciativa, das formas que julgarem mais oportunas, mas todos juntos”, acrescentou.

A República Democrática do Congo e o Sudão do Sul têm estado no centro de vários apelos do Papa Francisco, apelando a que a que se quebre o silêncio sobre a forma de vida destes dois países e das suas populações que são vitimas diretas de decisões politicas que levam ao confronto e que condicionam a vida das populações.

Atualmente na R.D. Congo, mais de 3 milhões de pessoas vivem com fome e mais de 400 mil crianças sofrem de má nutrição. Também no Sudão permanece um clima de medo e insegurança como resultado de conflitos étnicos e da ação de milícias.

Pedimos a todos os meios de comunicação social que deem relevância a este drama para que a sociedade portuguesa possa tomar consciência de que cada vez mais temos que nos assumir como uma só família para que os cuidados com a Casa Comum. A indiferença não só torna mais dolorosa a situação destes povos, como um dia terá consequências nas nossas próprias vidas.

Cáritas Portuguesa

Ficheiros: 
AnexoTamanho
Ficheiro Proposta de Via-sacra1.68 MB